CIDADESCULTURA E ENTRETENIMENTOSALVADOR

Celebração Intensifica Devoção a Santa Dulce dos Pobres em Salvador

Tríduo Encerra Trezena em Honra à Primeira Santa Brasileira

A cidade de Salvador está imersa em um clima de devoção e celebra, à medida que os fiéis de Santa Dulce dos Pobres participam de uma série de atividades marcando o início do tríduo , um período de três dias que conclui a trezena em homenagem à primeira santa brasileira. Na sexta-feira, 11 de agosto, os devotos, tanto soteropolitanos quanto visitantes de todo o país, deram início às comemorações, enriquecendo ainda mais a memória e a obra do Anjo Bom da Bahia.

Trezena Irmão Dulce
(Foto: Divulgação Osid)

Uma Despedida Emocionante da Festa Litúrgica

O sentimento de saudade permeou as atividades, pois a festa litúrgica que começou em 1º de agosto se aproxima de sua conclusão. No entanto, os milhares de fiéis terão mais dois dias para relembrar e celebrar o legado de Santa Dulce dos Pobres.

Programação Vibrante para a Conclusão da Trezena

A conclusão da trezena reserva uma lista emocionante de eventos. Entre as atrações estão as santas missas no Santuário Santa Dulce dos Pobres , a Vigília , a peregrinação da imagem da santa nos bairros da Capelinha e Alagados , a Procissão Luminosa e a tão aguardada Missa Campal . Essa missa especial será presidida pelo Arcebispo de Salvador e Primaz do Brasil, cardeal Dom Sergio da Rocha . Além disso, os shows do Padre Antônio Maria e do cantor Waldonys prometem acrescentar um toque musical à celebração.

Devoção e Compartilhamento de Vivências

Márcio Didier , gestor do Complexo Santuário Santa Dulce dos Pobres , compartilha a alegria e o sucesso da trezena até o momento. Ele destaca a recepção inspiradora da imagem peregrina nos bairros da cidade e a participação ativa dos fiéis, vindos de várias partes do estado e do Brasil. A trezena participou de um espaço para compartilhar vivências e fortalecer os laços com Santa Dulce .

Um Legado Espiritual para os Fiéis

O Frei Ícaro Rocha , reitor do Santuário Santa Dulce dos Pobres , expressa o propósito principal dessa série de eventos: cultivar nos corações das pessoas os ensinamentos e a vivência do que Santa Dulce pregou e viveu. Ele todos convidam a participar dos momentos finais da trezena, que culminarão em uma alvorada, missa campal, procissão e encerramento. Uma oportunidade de vivenciar e contribuir com as obras, deixando um legado espiritual duradouro.

A cidade de Salvador, iluminada pela devoção a Santa Dulce dos Pobres , continua a celebrar sua vida, obras e espiritualidade. O tríduo e a trezena marcam uma ocasião única para os fiéis e devotos compartilharem a fé e o amor espiritual que se tornou símbolo de misericórdia e compaixão.

Vitor Pavanelli

Jornalista - Sócio-Proprietário. contatovitorpavanelli@outlook.com

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo