BRASIL

Veja detalhes do jatinho que trouxe a cantora Beyonce para Salvador nesta quinta (21)

Cama do jatinho de beyonce
Foto: Reprodução

Breve aparição para divulgar seu filme

Na noite desta quinta-feira (21), a renomada cantora Beyoncé fez uma rápida visita ao Brasil, aparecendo brevemente no Centro de Convenções de Salvador para divulgar seu filme “Renaissance: A Film by Beyoncé“. Após cumprir seu compromisso, a artista deixou a cidade à 0h24 em um avião de alto padrão avaliado em R$ 196 milhões.

Detalhes do jato próprio da cantora

A aeronave utilizada por Beyoncé e seu marido, o também artista Jay-Z, foi identificada como um Bombardier Global 7500, com autonomia para mais de 14 mil quilômetros sem escalas. O jato de 87 pés de comprimento tem capacidade para até 16 passageiros e apresenta uma configuração de assentos personalizada, incluindo um quarto principal com cama king-size, mesa para quatro pessoas, amplo assento, divã, grandes cadeiras individuais, além de sofá que pode funcionar como lugar para deitar.

Conforto e luxo a bordo do avião

Além disso, o jato dispõe de dois banheiros completos, incomuns em aeronaves, com chuveiros, pias, espelhos e vaso sanitário, proporcionando aos passageiros todo o conforto e luxo durante suas viagens. A reportagem da Simple Flying destaca que a atenção aos detalhes de design e funcionalidade é uma característica marcante desta aeronave, que oferece uma experiência excepcional para seus ocupantes.

A visita relâmpago de Beyoncé ao Brasil, acompanhada pela exibição de seu filme e pelo uso de um jato privado de luxo, trouxe ainda mais glamour e prestígio à presença da cantora no país. Com um estilo de vida sofisticado e uma atenção cuidadosa aos detalhes de conforto e opulência, Beyoncé reforça sua imagem como ícone da cultura pop internacional.

Vitor Pavanelli

Jornalista - Sócio-Proprietário. contatovitorpavanelli@outlook.com

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo