BRASILPOLÍTICA

Causa da morte de Alberto Pinto Coelho, ex governador de Minas Gerais é divulgada

Causa da morte foi uma leucemia

alberto pinto coelho
Foto: G1

No início desta semana, precisamente na manhã de segunda-feira (20), o ex-governador de Minas Gerais, Alberto Pinto Coelho, faleceu aos 78 anos. Após uma longa batalha contra a leucemia, ele veio a óbito em um hospital particular localizado na região Centro-Sul de Belo Horizonte, onde fazia tratamento há três anos.

Tratamento contra leucemia durou três anos

Alberto deixa para trás sua esposa, Célia Pinto Coelho, quatro filhos e cinco netos, que agora enfrentam o luto e a perda de um ente querido. Natural da cidade de Rio Verde, em Goiás, o ex-governador conquistou grande destaque ao longo de sua carreira política, sendo amplamente reconhecido como um dos mais notáveis políticos mineiros.

Alberto deixa esposa, filhos e netos

Através das redes sociais, o governador Romeu Zema (NOVO) expressou seu pesar pela morte de Alberto Coelho. Zema ressaltou a importância do ex-governador, afirmando que ele deixou um legado significativo no cenário político de Minas Gerais. A triste notícia abalou não apenas o círculo político, mas também todas as pessoas que tiveram contato com Alberto e apreciaram suas contribuições para o estado.

Luto entre políticos mineiros pela perda de um notável líder

Neste momento de luto, é importante lembrar do ex-governador Alberto Pinto Coelho como um líder dedicado, que honrou seu compromisso com o povo mineiro. Sua trajetória será sempre lembrada e sua ausência será sentida por aqueles que tiveram a oportunidade de conhecer sua gentileza, paciência e amizade. Que sua memória seja preservada e seu exemplo inspire as futuras gerações de líderes políticos em Minas Gerais.

Vitor Pavanelli

Jornalista - Sócio-Proprietário. contatovitorpavanelli@outlook.com

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo