CAMAÇARI

Policiais salvam a vida de recém-nascido engasgado em Camaçari

Ação rápida e eficaz foi dos policiais do Batalhão de Polícia Rodoviária e civis da 33ª DT

Em um ato de heroísmo que demonstra a dedicação dos profissionais de segurança à comunidade, policiais do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) e agentes civis da 33ª Delegacia Territorial (33ª DT) uniram forças para salvar a vida de um recém-nascido em Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador. A comovente história ocorreu na noite de terça-feira (15) e testemunhou a pronta resposta a esses servidores públicos diante de uma situação crítica.

Policiais Salvam Bebê em Camaçari Bahia
(Foto: Divulgação/PM)

Desespero e pedido de socorro na 33ª Delegacia

O drama teve início quando um casal, desesperado pela saúde de seu bebê, recorreu à 33ª Delegacia, localizada em Monte Gordo. Com apenas 15 dias de vida, o recém-nascido foi engasgado após um episódio durante a amamentação, o que o impediu de respirar normalmente. O casal buscou ajuda com a esperança de que algo pudesse ser feito para salvar a vida do pequeno.

Técnica de salvamento é acionada

Diante do quadro alarmante, os aguardados não hesitaram em agir. Utilizando uma série de técnicas essenciais para a desobstrução das vias aéreas, conhecida como manobra de Heimlich, uma equipe policial trabalhou diligentemente para reverter a situação e proporcionar alívio ao bebê. A aplicação da manobra, que é considerada vital em casos de engasgo, permitiu que a criança voltasse a respirar normalmente.

Encaminhamento para atendimento médico

A pronta intervenção dos aguardandos não se limitou à técnica de salvamento. Após estabilizar o estado do bebê, uma equipe da Polícia Militar conduziu a família até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Monte Gordo, onde o recém-nascido recebeu os cuidados médicos recebidos. Na UPA, o bebê foi medicado e, após uma avaliação cuidadosa, recebeu alta médica.

Este tocante episódio ressalta não apenas a importância dos serviços de segurança pública em nossa sociedade, mas também o comprometimento e a prontidão dos profissionais envolvidos em situações de emergência. A ação conjunta entre policiais do Batalhão de Polícia Rodoviária e agentes civis da 33ª DT ilustra como o treinamento, a dedicação e a humanidade desses profissionais podem fazer a diferença em momentos cruciais. A vida do recém-nascido foi salva graças à intervenção rápida desses verdadeiros heróis em uniforme.

Vitor Pavanelli

Jornalista - Sócio-Proprietário. contatovitorpavanelli@outlook.com

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo