BRASILCULTURA E ENTRETENIMENTO

Selton Mello retorna às origens com estreia em podcast de ficção “França e o Labirinto”

A produção da série é resultado de uma colaboração entre o Spotify e o Jovem Nerd, uma das plataformas mais populares voltadas para o público geek.

Ator multifacetado mergulhado na experiência de interpretar o personagem exclusivamente através da voz em podcast

A influência dos atores e atrizes de TV no universo da dublagem tem se tornado cada vez mais presente, com nomes famosos emprestando suas vozes a personagens de desenhos animados e filmes. No entanto, um artista segue um caminho diferente: Selton Mello, que antes de se tornar famoso já trilhava uma carreira como dublado. Agora, aos 50 anos e com quase 40 anos de trajetória artística, Selton retorna ao uso da voz de uma maneira alternativa, participando de um podcast de ficção.

França e o Labirinto podcast
(Foto: Divulgação)

A trajetória do dublado que se tornou ator

Desde os 12 anos de idade, Selton Mello era um dublado profissional, acumulando experiência nesse ofício por mais de uma década. Com o tempo, sua carreira evoluiu para a atuação, direção e produção, tornando-se uma figura solicitada no cenário artístico. Embora tenha deixado a dublagem em segundo plano, ele ocasionalmente retorna a essa prática quando convocado.

O retorno à voz em podcast de ficção

Aos 50 anos, Selton Mello dá um novo rumo à sua relação com a voz, participando de “França e o Labirinto”, um podcast de ficção que estreará no Spotify em 29 de agosto. Nesse projeto, Selton interpreta o detetive particular Nelson França, que, cego, investiga um serial killer que ressurge após décadas. A produção envolve parceria entre o Spotify e o Jovem Nerd, conhecido site e canal de YouTube direcionados ao público geek.

A colaboração única e a motivação por trás de “França e o Labirinto”

Selton revela que a oportunidade de trabalhar no podcast coincidiu com o interesse dele e da produtora. O convite para dar vida ao personagem principal, somada à sua relação com o Jovem Nerd, levou-o a se tornar parte fundamental dessa nova experiência. A voz ganha um novo protagonismo na atuação de Selton, explorando uma dimensão diferente de seu talento.

Encarando críticas com tranquilidade

Apesar da vasta experiência e habilidade vocal de Selton Mello, mesmo ele não está imune às críticas. O ator relembra um episódio em que foi alvo de comentários negativos por seu claro suspiro excessivo na série “O Mecanismo”, da Netflix. No entanto, Selton demonstra maturidade diante das críticas, graças à sua jornada artística precoce.

A trajetória de Selton Mello, indo de dublador a ator multifacetado e agora a um podcast de ficção, exemplifica suas emoções e disposição para explorar novas formas de expressão artística. Sua experiência na dublagem, aliada à sua habilidade na atuação, enriquecendo o panorama audiovisual brasileiro, reforçando que, seja através da voz ou da presença, Selton Mello é um artista que continua a surpreender e inovar.

Vitor Pavanelli

Jornalista - Sócio-Proprietário. contatovitorpavanelli@outlook.com

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo